quarta-feira, 25 de abril de 2007

Shower musics





Não tinha o hábito de ouvir música mientras me duchava em Lisboa, tendo-o adquirido só em Barcelona, porque temos um rádio na casa de banho. Foi amor à primeira vista.

Foi, no entanto, apenas depois de uma série de banhos que me comecei a dar conta que nascia em mim um novo género musical, as shower musics. Chego a perder, porque a antena não é grande espingarda, uns dois minutos a sintonizar o rádio na estação (estação, ou posto?) que tem as ditas, e que é de uma qualidade e precisão quase infalíveis.

E o que são shower musics, perguntam vocês? Conceito bastante passível de discussão doutrinal, aviso já. Avanço, por isso, com uma série de características da música que almeja um dia -porque nem todas conseguem alcançar esse patamar, mais que género, musical- chegar a shower music, de forma a que fique mais claro:

- Ter no mínimo 10 anos, com raríssimas excepções. É preciso sentir que se está a ouvir algo de antigo;
- Ter, pelo menos, um refrão que esteja no nosso ouvido e que se possa, se não cantar, fingir que se sabe na perfeição. E de preferência, um refrão que seja antecedido por aqueles quase-silêncios de um segundo que se instalam antes dos refrões de algumas músicas, e nos deixam llenos de ganas de os cantar;
- Não precisar de ser uma boa música. Quando digo boa música, digo no sentido técnico, seja a nível vocal, seja instrumental. Isso é completamente irrelevante. Se o for, melhor ainda, claro.

Ou seja, a shower music não é necessariamente uma música má, nem boa, e a conotação está longe de ser negativa. Pode não se gostar, seja porque não se toma banho, ou porque não se gosta de cantar, pero que las hay, las hay.

7 comentários:

pina-me disse...

Por acaso é um hábito meu, e é realmente muito bom! Eu perco é os tais dois minutos a fazer "program" para passar as músicas que eu quero... pq normalmente ouço cd's e não rádio. Nc tinha pensado no conceito de shower music mas o facto de eu fazer uma selecção é realmente sinal de que existe, n se ouve uma qualquer coisa naquele momento. Diria que o conceito é totalmente variável de pessoa para pessoa (para mim, por ex, não têm que ser necessariamente oldies), com uma componente comum, que é o facto de ter que estar no teu ouvido e de conseguires cantar

El-Gee disse...

Por acaso eu tambem acho que existem shower music, mas para mim sao todas. Quando vou tomar duche e ligo o radio, qualquer coisa me serve. É a unica altura do dia em que admito ouvir hip-hop, por exemplo

xico dollar disse...

ora aí está um dos hábitos que eu mais "gosto" de ter! ouvir musica, cantar e se for possivel até dou um pézinho de dança no banho! não há nd melhor do que sair da cama(de preferencia as 12h) e acordar no banho a ouvir um somzinho... seja um groundation, uma cássia eller, thievery corporation ou anthony rother! hehe

ze maria disse...

pessoalmente nao acho que qqer musica sirva como shwer music, se bem que cada um tem o seu gosto...mas eu defendo um conceito universal de shower music, utopico, quiça, mas é o meu!

Matos disse...

eu costumo cantar músicas dos diabos e no name no duche! achas que as podes incluir no teu conceito utópico de shower musics sff? assim daquelas mais calminhas, com refrão e tudo...

ze maria disse...

se se estiver a tomar banho antes de ir ver a bola, considero-as shower musics. é a magia do conceito!

Anónimo disse...

Hum...isto lembrou-me a noite de sao martinho em que puseste o telefone na casa de banho com a musica de fat freddy´s.. saudades.. temos tantas coisas giras para lembrar :)

ah o postchama-se shower musics