terça-feira, 26 de fevereiro de 2008

Spoon is good





Se as expectativas já eram altas, Spoon superaram-nas, no passado sábado, na Aula Magna. Banda de indie rock texana, com uma atitude que tem tanto de indiferente como de explosiva, encheram a sala, depois de Mazgani, curioso e perturbador, to say the least, acompanhado de um guitarrista que cometeu a proeza de não abrir os olhos durante a hora de concerto a que assisti, ter aberto as hostes. O porquê da realização de concertos deste género - completamente incompatíveis com cadeiras - na Aula Magna, intriga-me durante o tempo máximo que um assunto desta importância deve intrigar alguém, cerca de minuto e meio, mas intriga corrosivamente.

Outro pormenor de relevo musical, e que por si só já tinha valido o bilhete, foi a descoberta de um bidé na casa de banho do andar de cima, naquilo que - e espero não estar a cometer nenhum imprecisão - constitui o único lavabo público a nível nacional, quiçá mundial, dotado de semelhante infraestrutura. Aliás, todo o ambiente, nomeadamente a simpatia e fisionomia das pessoas do bar, a larga oferta de salgados e afins, a proibição de beber cerveja no auditório (cerveja num concerto de rock!pfff) e o cheiro bolorento no ar, geram no espírito mais atento, de forma quase inevitável, a dúvida se se está realmente a entrar para um concerto de rock, ou para uma aula de História do Direito. Cozy. Valha-nos a música. E o bidé, but that goes without saying. Da próxima vez vou lá fazer um chap chapzinho.

3 comentários:

xico dollar disse...

Conheço uns sons deles,nomeadamente da banda sonora do OC e tb gosto bastante! Deve ter sido bacano esse concerto! 5ª vou ouvir laurent garnier ao 11! amsterdam3000 abr

ze maria disse...

os gajos ja me tiveram a contar umas peripécias de amesterdão...espero que estejas a varrer isso condignamente!

lady maryan disse...

Spoon is Good, and you are Better, Much Better.

Almost famous.

Lady