quinta-feira, 16 de julho de 2009

The so called olympic minimum


Assim de repente, para sábado, para além de um dia de praia, minis com vista para o rio and something else, queria isto:

- Somebody told me
- All these things that I've done
- Smile like you mean it
- Tranquilize
- Human
- Dustland fairytale
- When you were young
- Don't shoot me Santa
- Jenny was a friend of mine
- Neon Tiger
- Read my mind
- I can't stay

"- não acredito que estes gajos não vão tocar o mr. brightside. queres ver que não voltam? merda de concerto, já parece o de the kooks.
- o de the kooks?
- sim. porquê?
- ninguém diz de the kooks. também disseste que gostaste muito de ver os los campesinos?
- o quê, não me digas que tu não gostaste?foi espectacular.

- não é isso, estúpido. dizes os los campesinos?
- digo. porquê? mas não gostaste do concerto? pouças.

- e uma vodka?
- o que é que isso tem a ver? bora mas é buscar uma jola, que a seguir é brandie carlile e eu quero ir lá para a frente.
- ??'bora."
(gritos misturados com palmas)


(1º encore)
- Mr. Brightside
- Spaceman
(2º encore)
- Sam's town
- Romeo and Juliet
- Exitlude (a catarse)
(3º encore)
- Ser Benfiquista

- olha lá, como é que se escreve pouças?
- sei lá. que concerto espectacular.
- qual, o de the kooks, o de los campesinos ou o de the killers?ainda não consigo perceber como é que não gostaste de los campesinos.

Brandon, isto chegava para fazer de mim um gajo bastante feliz. E eu sei em que é que estão a pensar: talvez um 2º encore com três músicas seja um bocado demais.

10 comentários:

Nordeste disse...

Deixa-me dizer-te o que falta aí:

- Smile Like you mean it

- Indie rock'n roll

- On top

- Sam's town

Ah e All these things that I've done tem de ser bem mais cá para baixo, porque vai ser a melhor.

(isto tudo vindo de um gajo que ja viu um concerto destes bakanos)

rosé mari disse...

o smile like you mean it e o sam's town estão, era o que mais faltava!

quanto à sugestão, aceito-a humildemente.

Lourenço disse...

Tas cheio de sorte se tocaram essas todas de cds antigos, mas boa escolha!
Do novo, tb gostava/gostei de ouvir joy ride no concerto.
concordo com o "all the things that I've done", é claramente pa tocar mais tarde, aliás ca em Londres foi assim.
por fim, acho que abrem com spaceman, faz sentido abrirem com uma musica uma do cd que "estao a apresentar", e o spaceman pelo seu ritmo é a que mais se presta a isso. (O Human podiam deixá-lo em casa lol)
É sabado o concerto?

Tulis disse...

Uuuuuiiii!!! Esse 2º encore! Era ouro sobre azul..do restelo! (não consegui evitar o trocadilho, os dedos foram mais rápidos que o bom senso)

Nordeste disse...

Sempre tiveram?

Se sim vou ter de largas as cenas que ando a tomar...

rosé mari disse...

lolol, muito bom. saiu hoje o horário:

The Killers - das 00h00 à 01h30
Duffy - das 22h00 às 23h30 (na foto)
Mando Diao - das 20h40 às 21h40
Brandi Carlile - das 19h30 às 20h20
The Walkmen - das 18h30 às 19h10
Bettershell - das 18h00 às 18h15.

Ora, se isto estiver correcto, tiram-se daqui duas grandes conclusões:

1. Os Bettershell, quem quer que sejam, ou têm poucas músicas, ou têm muita vergonha, ou então são músicos bastante realistas, que assumem desde logo que o attention span dos presentes não vai passar do quarto de hora; e

2. Até à meia-noite um gajo vai ter de se distrair, vai beber-se pouca jola, vai.

tom disse...

Onde está a For Reasons Unkhown? Que falha.

1h30 de concerto? Naaaa, isso nem dá para aquecer. Tendo em conta o cartaz no mínimo 2h30...

Nordeste disse...

Há outras distracções Zé Judice.
The Walkmen é muito bom. Aconselho "The Rat" se não conheceres.
Mando Diao também não é nada mau.
Agora que vamos estar encostadinhos ao bar quando as outras duas forem cantar isso é certinho.
Super Bock Super Rock/Pop?

pedro disse...

em londres tava a espera que eles fechassem com o exitlude (como neste grande concerto: http://www.youtube.com/watch?v=aHmunrMpON8), mas não tocaram essa...
e concordo com o lourenço, a joy ride ao vivo é brutal

abraço amazing

Felipe disse...

The Walkmen é muito bom. Assim num universo completamente paralelo a festivais e concertos e que tais, passei por aqui e achei por bem dizer só isso. The Walkmen é muito bom.