terça-feira, 7 de julho de 2009

Le Cool - A guide to Lisbon


Andava a namorar este guia há uns tempos, e se o não tinha comprado antes não tinha sido pelo seu preço, mas antes por se tratar de uma daquelas muitas ideias eternamente presentes, eternamente adiadas. Pois bem, naquele dia, foi o dia.

E chegou ontem, cheio de estilo, como seria de esperar. Para os que, como eu, lêem o Le Cool todas as semanas - e que preciosa ajuda se tem vindo a revelar, já desde o Erasmus que fez comigo em Barcelona -, é quase uma obrigação moral comprar este guia. Contudo, e ao contrário dessas obrigações que satisfazem a moral mas não alimentam os sentidos, este guia é fortíssimo, fonte inesgotável de silêncios activos. Serve também e sobretudo para que não nos esqueçamos que Lisboa é uma cidade deslumbrante, que merece ser devidamente conhecida e explorada. Várias vezes dou por mim a pensar na contradição latente que resulta da vontade que tenho de conhecer outras cidades sem antes ter dedicado um dia inteiro e ininterrupto que fosse a passear por Lisboa. Quelle injustice.

Mais, sou daqueles (muitos?) que nunca foi ao Cristo Rei. Em minha auto-flagelante defesa, também só na segunda vez que estive no Rio de Janeiro é que fui ao Pão de Açúcar. Mas fui. Tenho de ir ao Cristo Rei; e perder um dia a vaguear pela Mouraria; outro por Alfama; e outro no Dolce Vita Tejo. Diz que há uns arrastões que é um mimo, até dá para a carreirinha.

Encomendem, que vale a pena.

3 comentários:

Tulis disse...

Quando fores ao Cristo Rei avisa. Tb nunca fui...lol

Esse guia, além de, de facto, ser um guia "cheio de estilo" (lol), parece-me um indispensável complemento para um programa que a malta anda a ver se vai pá frente em breve. O programa consiste em fazer um fim de semana de turista em Lx. Dormir em Hostels (que são os melhores do Mundo, http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1357811), jantar e almoçar em sítios típicos, andar de eléctrico, visitar Jerónimos, Torre de Belém, Estádio da Luz, Castelo de S. Jorge, Cristo Rei, Centro de Estágios do Seixal, Alfama, e por aí adiante...lol

Esse guia seria uma ajuda preciosa.

rosé mari disse...

Avisarei sim, ainda se junta aí uma turma.

Em relação ao programa, a ideia é brutal. Se aceitarem estrangeiros, I'm all for it, contribuo - pelo menos - com o guia e com uns recortes de revistas - com os melhores caracóis de lisboa e com as melhores sangrias - que tenho vindo a guardar.

falcao disse...

e onde comprar o guia de barcelona em lisboa??
obrigado