sexta-feira, 29 de dezembro de 2006

Mulheres

Eu (às 9 da noite): Tou sem fome prefiro jantar daqui a bocado que lanchei imenso quando cheguei a casa (às 8) e fartei-me de comer bolachas, pode ser?
Minha mãe: Está certo.

Minha mãe (às 10): Então não janta?
Eu: Não, ainda tou cheio...não tenho fome.
Minha mãe: Sem fome a esta hora?Está apaixonado?

A quantidade de falácias presente neste raciocínio seria digna do Guinness, não fosse a autora do sexo feminino.

3 comentários:

saca disse...

esse diálogo estremamente emotivo e de cortar a respiração mais parecia um cartoon do Calvin and Hobbes entre o próprio calvin e a sua mãe. só faltava a imagem final do capitão Spif a saltar para cima da goela da mãe e degola-la até ao ultimo naco. no entanto, fica a observação

ze maria disse...

bem visto!

El-Gee disse...

q bom diálogo!! a conclusão é, sem duvida, a correcta! pobres mães, que ilusões as preenchem..